Embriaguez

A noite ficou em cada canto desse quarto,

em cada gesto perdido nessas lembranças!

Não resta mais nada que não seja a partida,

derramando emoções entre vozes sussurrantes!

Cansei das poesias não ditas, das poesias oprimidas,

das poesias que falam em solidão, sem esperanças!

Não quero mais os cânticos que vem pelas janelas,

os cânticos trazidos pelos ventos, dissonantes!

Ficou sua lembrança no cinzeiro dessa casa,

no violão, nas frases vazias, na cama ficou o silêncio.

Partiu seu corpo enlevado em sussurros findos,

nos tempos vividos ao convívio desses dias!

A noite chegou desfazendo ilusões, precipitada!

Torrentes de paixões nesses amores extasiados.

Nesses olhos tristes, um adeus se espraia,

sem ressentimentos nessa noite em despedida.

A noite chegou nessa casa, nesse quarto.

Chegou trazendo meus desconsolos, meu abismo.

Assaltou-me nesse abstrato dia dessa ausência.

Chegou silenciosamente deixando cicatrizes.

4 Me gusta

No me he enterado de nada, pero valoro tu esfuerzo, lo siento pero no entiendo el idioma. Gracias por compartir @jtnery